PUBLICIDADE

Domingo, 28 de Fevereiro de 2021

Polícia Militar participa da operação Rondônia Comunidade Segura

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A Polícia Militar de Rondônia (PMRO) participou da Operação “Rondônia Comunidade Segura” deflagrada na manhã de sexta-feira, 29 de janeiro, por todas as Forças de segurança do Estado para realizar o cumprimento de 150 recapturas de foragidos da justiça e/ou em descumprimento de medidas administrativas penais e outras medidas policiais.

Durante a Operação, a Polícia Militar conseguiu garantir a efetividade completa, executando 24 recapturas de presos monitorados e 1 mandado de prisão que lhe foi atribuída. Além disso, no percurso para efetivação da Operação, as guarnições conseguiram realizar a apreensão de um menor, que iria efetuar um roubo, com uma arma de fogo do tipo garruncha com uma munição calibre .38 deflagrada.
A Operação teve a participação da Polícia Militar de Rondônia (PMRO), Polícia Civil (PCRO), Polícia Penal através da Unidade de Monitoramento Eletrônico (Umesp) e Grupo de Ações Penitenciárias Especiais (Gape) e o Corpo de Bombeiros Militar (CBMRO).

Resultados
Para apresentar os resultados iniciais e apreensões da Operação “Rondônia Comunidade Segura”, aconteceu uma coletiva de imprensa na manhã de sexta-feira, com a participação de representes das instituições, onde o major Alex Miranda de Carvalho, Porta-Voz da PMRO, representou o Comando da Corporação.
O residencial Orgulho do Madeira, localizado em Porto Velho, e o município de Candeias do Jamari-RO foram as localidades onde se cumpriram as recapturas e mandado de prisão pela PMRO.
O porta-voz da PMRO, major PM Miranda, destacou a importância da união das Forças de segurança no combate a criminalidade e explicou sobre a atuação da Polícia Militar. “Embora a localidade seja conhecida pela presença de facções e um elevado índice de criminalidade, a Polícia Militar está presente de forma ostensiva e faz-se presente em todas as localidades e quaisquer situações eventuais. Essa parceria promove uma maior eficácia para a segurança da população”, finalizou o major.
A efetividade e rapidez em bem executar o serviço pela PMRO, no decorrer da Operação foi destacada pelo Secretário da Sesdec, coronel PM Pachá, na apresentação dos resultados. “A Polícia Militar com um efetivo de 85 policiais militares e o emprego de 22 viaturas, teve uma efetividade de 100%, vindo durante o período da manhã a realizar prisão de todos os foragidos designados”, enfatizou o Secretário.
Durante a manhã já haviam sido cumpridos 47 mandados de prisão, sendo 10 na Capital e 37 no interior do Estado. Foram apreendidos dois veículos com restrição de roubo/furto, 50 kg de drogas, armas, munições calibre.12, calibre.22 e notas de dinheiro falso, na quantia de um mil reais (R$1.000,00).

Efetivo empregado
A Operação empregou um amplo efetivo para garantir a segurança pública nos bairros de moradia popular e demais comunidades, contando com a participação das forças policiais estaduais.
A Polícia Penal atuou no cumprimento das recapturas de presos monitorados com a PMRO. O comandante da Operação na Capital, major PM Renato Suffi, destacou a organização e comprometimento da Corporação na execução da Operação e a parceria com as demais organizações.
O comandante salientou que a união das Forças de segurança, vem rendendo frutos positivos, e a sensação de tranquilidade para a população. “A parceria com a Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus), mais especificamente Gape/Umesp, vem rendendo frutos positivos. Podemos constatar pelo resultado, logo nos primeiros minutos da manhã, em que a PMRO logrou êxito em efetuar as prisões pré-estabelecidas”, encerrou o comandante da Operação.

 

 

Fonte: Soldado Renata Pimentel

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️