PUBLICIDADE

Segunda-Feira, 23 de Novembro de 2020

Polícia continua procurando líder de organização criminosa que agia em Mutum-Paraná

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Uma operação deflagrada pela Polícia civil e militar logo nas primeiras horas da manhã deste sábado (10), está resultando na prisão de pessoas suspeitas na participação da morte de dois policiais militares em uma fazenda localizada às margens esquerda da BR 364 após o distrito de Nova Mutum Paraná em Porto Velho.

A todo instantes suspeitos estão sendo presos e levados para a delegacia especializada em crimes contra a vida que investigam o caso. Ao todo duas mulheres e cinco homens já foram presos na região onde ocorreu as mortes do tenente Figueiredo e do sargento Rodrigues.

A polícia destaca que o líder dessa organização criminosa é Gedeon, um perigoso foragido da justiça que recruta e ensina homens a realizar combate de guerra fazendo o uso de armas de grosso calibre como por exemplo Fuzil 7.62, 5.56, espingardas calibre 12 entre outras armas como pistolas e revólveres.

A estrutura onde os bandidos estão é um assentamento onde há leis entre eles e todo um aparato como enfermaria, cozinha, alojamentos, administração e um palhal onde eles escondem as armas, porém, eles se escondem e se misturam com os demais assentados que os protegem para obter proteção.

Equipe da Polícia Militar e da Polícia civil estão já alguns dias na região investigando e estando o local por se tratar de uma área gigantesca. A todo momento os policiais estão cumprindo os mandados de prisão e os presos sendo levados para Porto Velho onde são interrogados pela delegadas Leisaloma responsável pelas investigações.

Fonte: Hora1Rondônia

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️