PUBLICIDADE

Terça-Feira, 09 de Marco de 2021

Polícia Civil presta homenagem aos Peritos Papiloscopistas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
O dia 5 de fevereiro é o Dia Nacional do Perito Papiloscopista. A data é destinada a homenagear estes profissionais da Polícia Civil fundamentais para a efetivação da cidadania, quer seja por meio a investigação criminal ou emissão de documentos.
O dia é uma referência à data de 5 de fevereiro de 1903, quando a Papiloscopia foi implantada oficialmente no Brasil, através do decreto firmado pelo então presidente, Rodrigues Alves, criando a Identificação Dactiloscópica na então capital brasileira, o Rio de Janeiro.
Em 2020, o Plenário do Supremo Tribunal Federal sepultou definitivamente as controvérsias sobre se os Papiloscopistas seriam ou não “peritos oficiais de natureza criminal”, no julgamento da ADI 5182/PE, que questionava lei estadual de Pernambuco que apenas redenominou o cargo de “Papiloscopista Policial” para “Perito Papiloscopista”.
A Papiloscopia é a ciência que utiliza como meio de identificação humana as saliências da pele existentes nas palmas das mãos e solas dos pés. Essas saliências são as papilas dérmicas, mais conhecidas popularmente pelo estudo das impressões digitais. O papiloscopista é o policial civil especializado na individualização humana por meio das impressões digitais, cujos desenhos são únicos em cada pessoa.
O perito papiloscopista também atua na representação facial humana, que engloba: retrato falado, representação prosopográfica e projeção de idade, identificação criminal, perícia em local de crime, identificação necropapiloscópica e manutenção de bancos de dados civil e criminal e, por fim, a emissão de documentos de identidade.

Fonte: Polícia Civil RO

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️