PUBLICIDADE

Terça-Feira, 24 de Novembro de 2020

Sete municípios voltam para fase mais restritiva e cinco estão na fase 2

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A Portaria Conjunta nº 16 de 10 de agosto de 2020, reclassificou sete municípios na fase mais restritiva do distanciamento social controlado para enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. Outros cinco estão na fase 2 e os demais na fase 3. A nova reclassificação se deu em virtude do aumento ou redução, conforme cada cidade, de casos da covid-19 nos últimos 14 dias, e leva em consideração a matriz de risco consolidada pelo Decreto 25.220, que definiu novos critérios de enquadramento dos municípios nas fases de isolamento social. Na classificação anterior, dos 52 municípios, 33 estavam na fase 3, e os demais na fase 2.

Desde o início, a Associação Rondoniense de Municípios (AROM) tem acompanhado a evolução da pandemia em Rondônia, tratando de todos os aspectos como economia, insumos para os trabalhadores da saúde atenderem os pacientes, leitos de UTI, além de manter estudos técnicos atualizados.

Nos últimos dias, um levantamento prévio do Grupo Técnico Científico de Enfrentamento à Covid-19 do Estado mostrou que 17 municípios poderiam retroceder em virtude do aumento dos casos, no entanto, por atuação da AROM em intenso debate técnico com a equipe do Governo, foi possível reverter este cenário. “A AROM tem atuado para aperfeiçoar ainda mais a matriz de incidência de casos, na busca por evitar um fechamento dos municípios antes da hora. Com isso, foi implementado um mecanismo adequado para essa condicionante, o que permitiu que apenas 7 municípios retroagissem para a na fase 1 e não 17, como a estimativa trazia no primeiro momento”, esclareceu a presidente da Associação, Gislaine Lebrinha.

Fonte: Arom

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️