PUBLICIDADE

Sábado, 10 de Abril de 2021

Crise: Governo vai autorizar redução da carga horária e salários dos trabalhadores, diz Paulo Guedes

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

No ano passado, um programa emergencial de manutenção do emprego e da renda, o BEm permitiu que as empresas reduzissem a jornada de trabalho e, consequentemente, os salários de seus funcionários no início da pandemia. Por meio do programa foi possível suspender contratos de trabalho ou fazer redução de 25%50% e até 70% nas jornadas com corte proporcional da remuneração.

Pois nesta última terça-feira, 2, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o BEM será renovado, tendo em vista o sucesso da medida que ajudou a preservar de postos de formais trabalho no país contra os efeitos  econômicos da pandemia da Covid-19.

“Nós acabamos tendo um dos programas mais bem-sucedidos de preservação de emprego [BEM]. Então nós vamos renovar esse programa”, disse Guedes em entrevista no programa “Os Pingos nos Is”, transmitido pela Jovem Pan.

Porém, a ideia do Ministério da Economia é reformulá-lo, para assim reduzir os custos para o Tesouro, a proposta é que que os recursos venham do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) que paga o seguro-desemprego.

Fonte: Amanda França

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️